31 de out de 2008

A TERRÍVEL ARMA VERDE (The Terrible Green Weapon)



Livro publicado em 1989

(First print 1989)
Ilustrações de Eva Furnari
Editora: Scipione – 32 pp.
Leitores: 3º ano, 4º ano







Ana gostava de desenhar. Um dia, antes de ir para a escola, desenhou um passarinho com a asa torta e resolveu apagá-lo... mas, surpresa! O passarinho escapou do papel e entrou por uma passagem secreta. Ana foi atrás dele e descobriu a estranha terra dos desenhos perdidos! Ana está cheia de dúvidas. Que terra maluca é aquela? Onde está seu passarinho? E... como voltar para casa?

Ana loved to draw. One day, before going to school, she sketched a small bird with a crooked wing. Decided to erase the drawing, she was astonished to see the bird fly out of the sheet of paper and disappear into a secret passage. Ana followed him and found herself in the land of the lost drawings… What now? Where has her bird gone? And... how to go back home now?

DICAS: Esta obra, ilustrada por uma das mais premiadas ilustradoras brasileiras, fala em desenhos, e procura estimular as crianças a deixar livre sua criatividade e necessidade de expressão, desenhando sem usar a borracha, e valorizando todos os tipos de desenhos, não apenas os que são considerados “bonitinhos”. Se trabalhado em conjunto com professores de Educação Artística, pode gerar muitas atividades produtivas em sala de aula e o estimular uso de várias técnicas de desenho e pintura.


O DRAGÃO COMILÃO (The Hungry Dragon)


Livro publicado em 1988

(First print 1988)
Ilustrações de Rosana Rios
Editora: Scipione – 24 pp.
Leitores: Educação Infantil, 1º ano, 2º ano


O dragão Nhoc-Nhoc vivia na Caverna das Coisas Estranhas, comendo grama como todo dragão. Mas ele era um dragão muito enjoado, e resolveu experimentar outras refeições, como pedras, borboletas, minhocas, nuvens... até que, um dia, resolveu comer palavras. Foi aí que a confusão começou, pois as palavras foram sumindo!


Nhoc-Nhoc, the dragon, lived in the Cave of Strange Things. He ate grass like any well-behaved dragon. But he got bored of eating grass, and decided to taste other meals. So he started to eat pebbles, butterflies, worms, clouds... Until, one day, he found out that he could eat words. And then the trouble began, because some important words simply vanished!


DICAS: o Dragão Comilão é uma história que mistura o fantástico (apresentando criaturas míticas como os dragões) com o cotidiano das crianças (falando, por exemplo, em alimentação). Traz no decorrer do texto palavras “difíceis”, com o intuito de explicar por que certas palavras somem do uso corrente, e de estimular a prática importante da consulta ao dicionário, que deve ser iniciada já com leitores de educação infantil e 1º ano.