26 de jan de 2017

ESPELHO, ESPELHO SEU (Mirror, Mirror, on your Wall)


Livro publicado em 2016
(First print 2016)
Capa de Rodrigo Rosa
Editora Brinquebook / Selo Escarlate 144 pp.
Leitores:
7º ano, 8º ano, 9º ano

A inveja e o ciúme da jovem Bernarda provocam uma tragédia que enfeitiça sua irmã gêmea Arminda, na cidade de São Vicente, no início do século XX. Cem anos depois, o caminho de três desconhecidos – dois adolescentes e um professor aposentado – se cruza devido a fragmentos de um antigo espelho, que vêm dar à praia próximos à chamada Pedra da Feiticeira. E os três terão de decifrar o enigma dos pedaços do espelho, antes que seja tarde demais e também eles sejam presas de um encantamento sinistro!

Young Bernarda is jealous and envious of her twin Arminda, in the town of Saint Vincent, at the beginning of the 20th century. To comfront her sister, she dwells in magic words and enchantments... And, when a hundred years have passed, three different persons share a similar path: two teenagers and an old retired professor find at the beach the parts of an ancient mirror – it happens near a rock by the shore, called “The Sorceress Rock”. They will have to solve a mistery that lies hidden in those three glass fragments, not to become prey to a sinister spell, like it happened to Arminda, so long ago.


HERÓIS e suas JORNADAS (Heroes and their Journeys)

Editora Melhoramentos – 112 pp.
Leitores: 5º ano, 6º ano, 7º ano

Este livro contém dez recontos de mitos dos cinco continentes, relatando aventuras de heróis que saíram pelo mundo em perigosas jornadas. Povos nativos do Brasil, Canadá, Nova Zelândia, Lituânia, México, Irlanda, Egito, Grécia, Nigéria and China trazem aventuras cheias de magia e perigo – mostrando o parentesco entre os contos de todos os povos do mundo.

Retelling ten myths from around the world, the author brings us adventures of different heroes who left their homes to face dangerous journeys. These native myths from Brazil, Canada, New Zealand, Lithuania, Mexico, Ireland, Egypt, Greece, Nigeria and China bring to the reader tales of magic and danger – thus showing how related are the stories from so many people living so far from each other.

OLHOS de LOBO (Eyes of the Wolf)


Livro publicado em 2016
(First print 201
6)
Capa de
Sérgio Frega
Editora DCL/ selo Farol Literário – 440 pp.
Leitores: 8º ano, 9º ano, Ensino Médio, EJA

Na cidade alemã de Kassel, em 1810, dois pesquisadores do folclore estranham o relato de uma senhora, que jura, há décadas ter ido visitar a avó e encontrado um lobo. E hoje, no Brasil, a agente federal Natália investiga crimes ligados às fases da Lua, fotos macabras de cemitérios e lobos avistados em Porto Alegre! Ela quer a ajuda do amigo Hector Wolfstein, que sabe tudo sobre fases da Lua; mas ele parece ter desaparecido – Na verdade, Hector anda à caça de um velho inimigo – que, ao que tudo indica, conheceu a mulher misteriosa de Kassel.

It is 1810 in the German city of Kassel; two folklore researchers find a very strange tale of an old lady who says that decades ago, as a little girl, she visited her Granny in the woods and met a Wolf... Her story echoes in the 221st century, as Natalia, a Federal Agent, investigates serial crimes that seem connected to the Moon phases, gruesome photographs of graveyards, and sightings of wolves in the modern brazilian city of Porto Alegre! She needs the help of her friend Hector Wolfstein to solve the misteries, but he seems to be missing. Actually, he seeks the tracks of an old foe – someone who, apparently, knew very well the misterious woman from Kassel.


ILUMINURAS (Illuminations)


Livro publicado em 2015
(First print 2015)
Ilustrações de
Thais Linhares
Editora Lê – 270 pp.
Leitores: 8º ano, 9º ano, Ensino Médio, EJA

* Selo “Altamente Recomendável” da FNLIJ
* Prêmio “Orígenes Lessa” 2016 - o Melhor para o Jovem (FNLIJ)
* Selecionado para o Catálogo “White Ravens” da Biblioteca de Munique.
* Prêmio JABUTI - Categoria Literatura Juvenil – 3º lugar.

Clara e Martim estudam no mesmo colégio, mas não se conhecem – ainda. Ele adora desenho e pintura, ela é fascinada por livros de ficção científica. O que podem esses dois adolescentes do século XXI ter em comum com frei Brás, que viveu num mosteiro beneditino do século XVIII, e Akin, um ex-escravo que tentou sobreviver refugiando-se em um quilombo? A ligação entre eles será revelada através de uma estranha descoberta na escavação arqueológica feita por pesquisadores de um museu. São encontradas dez Iluminuras que permaneceram quase trezentos anos sob a terra. E os personagens se envolverão numa incrível aventura que mudará seus conceitos sobre o tempo e o espaço!




Ten illuminated manuscripts, buried for almost three hundred years, are found in an archeological excavation done by researchers in a museum. They will reveal the connection between Clara, who likes science fiction books, Martin, who adores drawing and painting – two teenegares of the 21st. century – and Fr. Brás, who lived in a Benedictine monastery in the 18th century, and also Akin, an ex-slave who tried to survive looking for refuge in a kilombo. In a non-linear narrative, times and spaces are weaved. The imagens “enlighten” the texts with colors and dainty figures, genuine miniatures from the 21st century. The text shows the clash between the current youth culture and life in past centuries, leading the characters (and the reader) to reflect on the condition of Woman, the question of the enslavement of African peoples and the immortality of Art.

* Award “Highly Reccomended" for Young Readers FNLIJ (Brasilian sectin of IBBY)
* Award “Orígenes Lessa” 2016 - the Best for Young Readers (FNLIJ)
* Selected for the “White Ravens” Catalog - Munich Jugend Bibliothek
* JABUTI Prize (from Brazilian Book Chamber) - 3º place in the Young Readers Cathegory




FLUTUANTES (Floating kids)


Livro publicado em 2015
(First print 2015)
Ilustrações de Ianah Maia
Editora: DCL – 32 pp.
Leitores: 3º ano, 4º ano, 5º ano

Começou de repente, e quase ninguém percebeu. As crianças começaram a se sentir leves, como plumas, balões, folhas ao vento. A alegria se espalhou entre os pequenos da cidade e, então, eles começaram a flutuar. O problema foi que nem todos gostaram da novidade. Para alguns adultos, aquilo era um absurdo! Precisava ser proibido, reprimido, escondido. Mas... como impedir a alegria e a leveza de se espalharem e de fazerem as pessoas flutuar?

Nobody noticed when it all started: children in the city started feeling light as feathers, baloons, leaves blown by the wind. Joy spread among the little ones and they started to float. Unfortunately, not everyone liked that. Some grown-ups thought that was absurd! It had to be forbidden, repressed, hidden. But... How could they stop joy and lightness from spreading around and letting people float?